Início > cinema > Eu fui: Brüno

Eu fui: Brüno

Por Brüno Silva

Ter como xará um filme que certamente bate o recorde de exibições de órgãos sexuais masculinos por minuto na tela não é necessariamente um elogio ou algo que deixe um ser humano envaidecido.

Mesmo assim, fui ver a nova maluquice do Sacha Baron Coen: Brüno, o infame estilista austríaco.

Sacha parece sofrer do mesmo mal de todo cineasta que consegue fazer um filme acima da média: a tentativa desesperada de se superar. Com Borat, ele conseguiu tirar sarro de Deus em suas várias versões e o mundo, virou ícone da tosqueira mundial e nos brindou com piadas sensacionais, como as baratas judias que são atraídas por notas de um dólar. Só que seu estilo de falso documentário acabou virando um tiro no pé: como depois de Borat ele conseguiria fazer algo no mesmo estilo, sendo que a cara dele foi mais exposta na internet do que a bunda da mulher melancia?

Ele não conseguiria. Essa é a resposta. Brüno segue claramente a estrutura de Borat só que dessa vez, claramente as situações são fake. Ou pelo menos a maioria delas. A sensação que se tinha em Borat era de que aquilo de fato era possível. Em Brüno, o sentido de vergonha alheia é tão absurdo que parece fake. O que não enfraquece em nada o filme. Afinal, é mais fácil acreditar em um documentário sobre um repórter do Cazaquistão do que um estilista austríaco em crise. E Brüno aborda com muita graça vários temas, desde o passado nazista de sua pátria, exploração de trabalho infantil, a paranóia homofóbica norte-americana e o tema central: a busca insana e cega pelo sucesso (Ex-Big Brothers, este filme é um tratado para vocês).

Se Borat estava mais pra um Michael Moore totalmente chapado, Brüno está mais para o estilo The Office de falso documentário assumido. Só espero que o Sacha faça logo outro personagem tão marcante quanto: eu não agüento mais as piadas envolvendo meu nome e a preferência sexual do personagem.

Anúncios
Categorias:cinema Tags:, ,
  1. Stefano
    17/08/2009 às 15:43

    assume logo esse teu lado com trema!! ihhh

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: