Início > Animação, Star Wars, TV > ÔÔÔ, Clone Wars voltou!

ÔÔÔ, Clone Wars voltou!

 

Clone-Wars-Season-2-Bounty-Hunters-star-wars-7714735-800-600

A nova temporada de Clone Wars teve sua season premiere no último fim de semana. Acabou de ver o episódio duplo de estréia e digo de cara: melhorou bastante em relação ao que vimos na primeira temporada. Mas infelizmente, nem tudo são flores e  no decorrer do post explico por que.

O lado bom é que os produtores parecem ter chutado o balde em relação ao público: usaram referências absolutamente sensacionais só exploradas no chamado universo expandido. Exemplo: a trama deste primeiro episódio gira totalmente em torno destes artefatos conhecidos como Holocrons, fonte de armazenamento de todo o conhecimento da Ordem Jedi. Esse conceito só foi explorado até hoje em games, livros e HQs. Em Ataque Dos Clones, Obi-Wan até usa um pra encontrar um planeta perdido, mas nem o nome Holocron é citado. Então veja só, dá a entender que eles estão fazendo a série para fãs mais radicais mesmo.

Falando em Ataque dos Clones, parece que os roteiristas estavam com o Episódio II fresquinho na cabeça quando resolveram colocar as idéias no papel: vemos a Bibliotecária dos Jedi, Jocasta Nu, que teve 3 diálogos no já citado filme e uma caçadora de recompensas transmorfa idêntica a Zam Wessel, mercenária que também foi introduzida no segundo (ou quinto) filme da série.

Caçadores de Recompensa, que por sinal, serão o grande foco dessa temporada. E sem exageros: Cad Bane promete ser um dos Bounty Hunters mais fuderososo que o universo Star Wars já teve. Dá pra notar o Darth Sidious respeitando ele de forma incomum em um diálogo que já mostrei aqui e, vejam só, o cara invade o Templo Jedi na fuça de Mace, Yoda, Anakin e Obi-Wan. E tem gente que idolatra o Boba Fett por ter capturado o Han Solo. Tsc, tsc.

É legal ver como o desenho se aproxima do que vimos nos filmes em situações como essa: literalmente a Ordem Jedi virou a casa da mãe Joana e todo mundo entra sem bater, mostrando que a clarividência dos cavaleiros já não é a mesma e tudo caminha para se tornarem presas fáceis para o plano de Darth Sidious, que como todos sabemos, dá muito certo no final.

A parte ruim é que os produtores tinham prometido que cabeças iam rolar, que não faltariam membros decepados por Sabres-de-Luz e coisas do tipo. Bem, quanto a isso começou mal, embora o episódio tenha de fato uma bela batalha envolvendo clones, dróides e Jedi em um local sem gravidade. Mas sério. Tô cansado de ver clones e máquinas morrendo. Quero sangue!

Esse Clone Wars de fato não chega nem aos pés da obra-prima de Genndy Tartakovski. Mas parece ter encontrado um caminho. Se as referências continuarem voltadas para fãs hardcore e adicionarem um pouco mais de porrada, pode encontrar seu lugar no coração órfão de quem gosta da galáxia muito, muito distante.

PS: Falando em referências hardcore, lembram da cena acima, onde o Stormtropper bate a cabeça na porta em Uma Nova Esperança? Bom, assistam a season premiere de Clone Wars e vejam uma grande homenagem a este honrado soldado.

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: